09/02/2009

O Fermento - Nosso último episódio desta série - Parte VI

E para finalizar nossa pequena série de medidas e conversões, vamos falar hoje sobre nosso amigo Fermento! Graças a este ingrediente, podemos provar alimentos macios, de digestão fácil e sabor agradável...
.
Poderia aqui falar de processos gasosos que ocorrem em contato com outros ingredientes, mas...como não é aula de química... vamos abreviar as explicativas...
.
Hoje em dia, para faciliar a vida da dona de casa, já existem farinhas com adição de fermento e outras até prontas, para o preparo direto de pães e bolos...
.
Mas, como aqui nós somos do contra, e queremos fazer a maneira tradicinal...hehehehehe...lá vamos nós a aprender, o que nunca é demais... a converter algumas medidas entre fermentos frescos e secos. Tão usados, principalmente, se você gosta de pães...
.
Vai perceber que nem é tão dificil assim entender estas medidas e certamente irá aventurar-se nas massas, e saborear verdadeiras delícias proporcionadas por guloseimas feitas na alquimia de sua cozinha...


CONVERSÃO FERMENTO - Para Pães
FERMENTO FRESCO:

15g - 01 tablete pequeno
30g - 02 tabletes pequenos
60g - 04 tabletes pequenos (1 tira)

FERMENTO SECO OU INSTANTÂNEO:
01 tablete = 05g fermento seco = ½ colher de sopa = 5g fermento instantâneo
02 tabletes = 10g fermento seco = 01 colher de sopa = 10g fermento instantâneo
04 tabletes = 20g fermento seco = 02 colheres de sopa = 20g fermento instantâneo
.
No preparo de pães caseiros, utilize 02 tabletes de 15g para cada 1kg de farinha, já em massa de pizza ou pães de massa doce, utilize 04 tabletes de 15g para cada 1kg de farinha.

Algumas DICAS importantes para o fermento fresco:

Não bata o fermento no liquidificador, pois o atrito destrói as leveduras. Prefira comprar o produto próximo a sua utilização e após compra utilizar o mais breve possível.

Evite colocar o fermento perto de cheiros fortes, já que o fermento absorve estes odores. Por não conter conservantes e ter água em sua composição, o fermento biológico fresco é um produto sensível, que necessita cuidados, principalmente no verão.

Prefira comprar o produto próximo a sua utilização, já que é um produto perecível.

Conserve o fermento fresco biológico entre 1 a 8ºC, a temperatura adequada e a principal responsável pela conservação do produto.

Deixe para adquirir o produto no final das compras, evitando que fique fora de refrigeração por muito tempo. O fermento exposto a variações de temperatura tem prazo de validade reduzido.

Não congele o fermento fresco biológico, pois as temperaturas abaixo de zero danificam as células da levedura e diminuem sua atividade fermentativa.

Verifique sempre a validade do produto antes de sua utilização na massa.

Não misture o fermento diretamente com sal.

Prefira adquirir o fermento fresco em locais com boas condições de armazenamento;

Coloque massas, para crescer dentro de sacos plásticos, ajudará na fermentação devido aos gases liberados durante o processo, fazendo com que sua massa fique leve.

Fonte: Fleischmann

14 comentários:

EU MULHER disse...

Querida Anita, obrigada pelas dica. Essa massa dentro do saco ficou linda.

Bjus

Clarissa disse...

Obrigada pela visita! Amei seu blog também. Bjs

Maria disse...

Anita,
Passei para dar uma espiadinha básica e desejar-lhe uma ótima semana.
Beijinhos
Maria

Cris disse...

Oi linda adorei suas dicas valeu, tem um mimo para vc no meu blog.
Beijinhos e uma ótima semana.

MEU CANTINHO CULINÁRIO disse...

Dica ótima.....bjos
Angela

Rosana Albuquerque disse...

Adoro essa química entre a farinha de trigo, fermento e etc ......Como ficou linda essa massa, amiga!!!Eu uso muito o fermento seco por não ter problema de estragar...Essa tabela de conversão é muito interessante.Beijos......

Rosi disse...

Anita, obrigada pela visita e pelos elogios, o seu blog tbém é lindo e com muitas informações úteis, parabéns! Tbém estou te seguindo, bjos...

Teu Mell disse...

Ola minha linda, feliz por receber vc em meu blog... estouaprendendo ainda.. mas é uma imensa alegria te-la como seguidora e tomei a liberdade tb de ser seguidora de suas receitas.. uma linda noite.. e uma quarta feira iluminada.. beijinhos carinhosos

Amanda Ramos disse...

Amiga, tudo bem??Ãchei ótima estas dicas, sempre fica aquela dúvida né??!!!
Bjo

Edna Maia disse...

Oi amiga como sempre nos presenteando com informações muito úteis, seu blog além das delícias é cultura tb....bjs.

Xana disse...

Óptimas dicas :).. Brigadus
bjinhus

Val disse...

adorei essas dicas..

carladuc disse...

Olá,

Muito útil este texto. Obrigada!

Outro dia peguei uma antiga receita que eu tinha e o fermento era indicado em tabletes. Nunca tinha me dado conta dessa imprecisão até me mudar prum país onde o fermento não é vendido em tabletes. Penei pra achar a conversão. Hoje querendo relembrar a equivalência entre o fresco e o seco, caí em seu texto. Adorei também a indicação da medida em colher de sopa, pois facilita muito uma vez que não tenho uma balança tão precisa para medir poucas gramas de fermento biológico seco.

Abraço,

*-._.-* Anita *-._.-* disse...

Gurias obrigada pelos comentários...

Carla, fico muito feliz que tenha ajudado... volte sempre que quiser...será bem vinda!

Besitos a todas!