31/05/2010

Atendendo a pedidos... Pamonha de Coco

Depois inúmeras cartas, e-mails, telefonemas, gritos e sinais de fumaça... segue abaixo a receita da tradicional

Pamonha de Coco

12 espigas de milho verde
01 xícara (chá) de açúcar
01 xícara (chá) de leite de coco
01 lata de leite condensado
100g de coco ralado fino

O milho

Se for comprar o milho para ralar, dê preferência para as espigas mais duras, elas são melhores para a pamonha doce. (Pamonha salgada, milho mais mole).
Evite ralar muito profunda a espiga, para que não pegue pedaços do sabugo.

A palha

Descarte as primeiras palhas da espiga (em geral as 3 primeiras), elas geralmente são sujas de terra e comece a separar as demais até que chegue nas de textura bem fina e transparente que também não são boas. A idéia é separar as melhores para fazer os copinhos. Passe-as em agua quente para que fiquem maleáveis.

Preparo

Ralar o milho e bata no liqüidificador, junto com o açúcar, o coco, o leite de coco e o leite condensado, acomodando a massa nas palhas de milho reservadas. Amarre com uma liga de borracha, cordão, ou palha de bananeira (embira de bananeira). Coloque os saquinhos numa panela grande de água fervente adoçada a gosto.


Deixe cozinhando por aproximadamente 25 min da última pamonha colocada. O ponto certo, a palha vai ficar num tom amarelado. Se tiver em dúvida, retire uma para verificar o ponto. Revirar as pamonhas durante o cozimento.

Sirva morna ou fria. O segredo é saber amarrar as espigas para que a massa fique lá dentro. Elas também podem ser costuradas, em forma de saquinhos .

Confira abaixo o passo a passo de como fazer os saquinhos (copinhos) para embrulhar sua pamonha

Dica: Você pode colocar em moldes untados e assar em forno médio (180°C) em banho maria, até que estejam bem firmes. Sua mesa ficará linda e bem criativa.

Rendimento: Nas palhas, 10 porções médias. Nos moldes, vai depender do tamanho do molde.

28/05/2010

Pastel de Carne, um petisco de Festa Caipira

Ainda no clima junino... Pastel! Esta massa é receitinha di pópi... um dos pastéis mais gostosos que já comi e um belo petisco pro seu Arraiá...

Pastel de Carne750g de farinha de trigo
05 colheres de sopa de manteiga derretida
02 gemas
01 colher de chá de sal
01 colher de sobremesa de fermento em pó químico (aquele para bolos)
1 e 3/4 de copo (tipo americano) de leite morno

Misture tudo muito bem, deixando a massa dura para que possa ser estendida no cilíndro, sem ser necessário passar a massa por mais trigo.

Estenda a massa com uma espessura fina, recheie e frite em óleo quente.

Recheio:
01 kg de carne magra moída
02 colheres sopa de azeite
340g de molho pronto de tomate
Pimenta e sal a gosto
Azeitonas picadas
03 ovos cozidos picados
Salsa picada a gosto

Refogue a carne no azeite, deixe-a cozinhar por alguns minutos até que fique bem sequinha. Acrescente o molho e os outros ingredientes e deixe cozinhar até secar novamente.

Rendimento: 100 unidades pequenas.

25/05/2010

Manuê de Fubá com Leite de Coco é o doce que tem de tê!

" Fagulhas, pontas de agulha, brilham estrelas de São João,
Confetes, xotes e xaxados, segura as pontas do meu coração..."

Forró bate coxa, pular fogueira, mandar e receber correio elegante, comer pinhão, canjica, quentão e pipoca... Viiiiiva São João e tooooodos os santos do Mês!

Meu tio Luis (irmão di mamã), o Ferreirinha para alguns amigos, desde a minha tenra infância, faz todos os anos, estas festas... E um dos pratos que sempre está presente é este Manuê com Leite de Coco. Este ano certamente vai ter “arrasta pé” a noite toda, fagulha de fogueira nos cabelos e pileque de quentão!

Festa daquelas, que estar vestido caracterizado é obrigatório. Mas tem de pagar mico prenda! Na minha infância, a dureza era ter de subir no pau de sebo pra ganhar o presente... Ainda bem que meu tio é "genteimdubem", e me dava o presente do mesmo jeito... acho que por consolação, e uma forma de pagamento, depois de eu provocar tantos risos nos convidados... (king kongsss de infância)

*** Caro Leitor... Qualquer possibilidade em imaginar, se hoje em dia pago ou não a prenda... É terminantemente proibida!!!

Manuê Cremoso com Leite de Coco

01 e 1/2 xícara de açúcar
03 colheres de sopa de manteiga
03 gemas
01 e 1/2 xícara de fubá amarelo (peneirado)
02 colheres de sopa de trigo
100ml de leite de coco
01 colher de fermento em pó para bolos
03 claras em neve

Calda
100ml de leite de coco
1/2 xícara de açúcar

Misture os ingredientes da calda e aplique.

Bata o açúcar com a manteiga, junte as gemas e continue batendo até obter um creme claro. Adicione o fubá, o trigo, o leite de coco, o fermento e por ultimo, delicadamente, as claras.

Coloque a massa em forma (32 x 24 cm) untada e enfarinhada. Leve ao forno, por aproximadamente 35 minutos, ou até que fazendo o teste do palito, este saia seco.

Retire, regue com a calda, o bolo ainda quente. Corte em losangos e retire da forma depois de bem frio.

Rendimento: 30 unidades.

20/05/2010

E a Vaca foi pro Brejo...

... e Virou a Vaca atolada! E em noites frias, das festas nos meses de inverno, é prato típico. Esta porém, um pouco mais light. Feita com músculo, substituindo a tradicional costela, reduz bastante o teor calórico do caldo, e fica uma delícia!

Vaca Atolada de Músculo

02 colheres (sopa) de óleo
01 kg de músculo, cortado em cubos
02 cebolas médias picadas
04 dentes de alho amassados
Sal e pimenta-do-reino a gosto (ou tempero pronto)
05 tomates sem sementes picados
06 colheres (sopa) de cheiro-verde picado
03 colheres (sopa) de aguardente
Pimenta dedo-de-moça picada a gosto
02 folhas de louro
200g de lingüiça calabresa em rodelas
02 1/2 litros de água quente
700 g de mandioca descascada, cortada em cubos (jácozida)

Numa panela de pressão com óleo, frite o músculo, até dourar (mais ou menos 10 min). Junte as cebolas, os dentes de alho e refogue. Tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Feche a panela e assim que sair a pressão, marque uns 30 minutos. Abra, verifique se está macio.

Adicione os tomates, o cheiro-verde picado, a aguardente, a pimenta dedo-de-moça picada a gosto, as folhas de louro e a água quente.
Deixe cozinhar por 50 min na pressão, em fogo médio (se necessário acrescente mais água durante o cozimento).

Acrescente mandioca descascada cortada em cubos (já cozida).

Deixe cozinhar por cerca de 05 min ou até ficar cremoso. Acerte o sal, se necessário.
Rendimento: 10 porções.

16/05/2010

Em clima de Festa Junina... Pudim Paçoca.

As Festas estão chegando e pra isto temos de começar a pensar nos quitutes típicos pro seu arraiá... Nestes dias estaram aqui algumas idéias... aproveitem!

E mais abaixo... Eu vestida "dimininú" numa festa junina entre amigos...mais um mico na minha vida! hehehehe
.
Pudim Paçoca 01 xícara de açúcar
¼ xícara de água
01 lata de leite condensado
02 xícaras de leite
04 ovos
02 xícaras de paçoca cortada em pedaços
01 xícara de coco em flocos

Leve ao fogo baixo o açúcar misturado com a água até obter um caramelo. Espalhe esse caramelo em uma forma de buraco no meio de 20cm de diâmetro e reserve.

No liquidificador, bata o leite condensado, o leite e os ovos por 03 minutos. Adicione a paçoca, o coco e pulse rapidamente para não quebrar a paçoca por completo.

Despeje na forma reservada, cubra com papel alumínio e leve ao forno médio (já aquecido), em banho maria, por 1hora e 30 minutos. Retire do forno, deixe esfriar e leve a geladeira por 04 horas. Desenforme, decore e sirva.
.
Rendimento: 10 porções.
.

Bina e Terêncio (Ana Anita)

Registro da minha última participação em festas juninas (até o momento), que fizemos entre amigos... eu como sempre... um mico a parte na produção...
Vestida de homem, fui o "suce" da festa... hehehehehehe... Veja que coisinha mais feia...hahahaha...

13/05/2010

Coisa boa, é Ilegal, Imoral ou Engorda... Sofiolli de Catupiry e Tomate Seco

"... Vivo condenado a fazer o que não quero
Então, bem comportado às vezes eu me desespero
Se faço alguma coisa, sempre alguém vem me dizer
Que isso ou aquilo não se deve fazer...

Restam meus botões...
Já não sei mais o que é certo
E como vou saber
O que eu devo fazer
Que culpa tenho eu
Me diga amigo meu
Será que tudo o que eu gosto
É ilegal, é imoral ou engorda... "

E viva Roberto...

Sofiolli de Tomate Seco e Catupiry

Massa:
100g de tomate seco hidratados e picados
02 xícaras de catupiry
1/2 kg de massa para lasanha levemente aferventada

Massa:
Misture o tomate hidratado com o catupiry e reserve. Coloque um pouco do recheio no centro de cada massa para lasanha. Dobre as pontas, cobrindo o recheio e formando pacotes.

Molho Bechamel
01 colheres (sopa) de farinha de trigo
01 colheres (sopa) de margarina
1/2 cebola média ralada
01 caixinha de creme de leite
01 pitada de noz-moscada
300ml de leite
Pimenta-do-reino e sal a gosto
Salsa picada a gosto

Derreter a margarina em fogo brando, acrescentar a farinha e mexer vigorosamente por 3 minutos. Juntar o leite, sem parar de mexer, até obter uma mistura lisa. Aumentar o fogo e deixar ferver, batendo sempre. Temperar com um pouquinho de sal e diminuir o fogo, deixando cozinhar por uns minutos, para não ficar o sabor de farinha. Mexer de vez em quando para não grudar no fundo da panela. Acrescentar a pimenta, a noz-moscada e o creme de leite. Desligar o fogo e continuar batendo por mais 3 minutos.

Montagem:
Acomode os sofiollis no refratário, já com uma camada de molho, com a dobra para baixo. Cubra com o molho restante, polvilhe com queijo ralado e leve ao forno médio (180 °C) por cerca de 20 minutos. Polvilhe a salsa e sirva a seguir.

Rendimento: 05 porções.

Música: Ilegal, Imoral ou Engorda - Roberto Carlos.

10/05/2010

Sem doce mas de Chinelo! Franciscano de Cream Cheese

Onde Pópi mora (no interior lembram?), uma vez por semana, passa um carro vendendo sorvete... pelo menos em épocas de calor. (Talvez no inverno tenhamos sopa...)

Dia destes, mana cismou em comprar do pobre, até para que o tal, não perdesse o precioso tempo, apenas falando pelo megafone: “Olha o sorvete, Olha o sorvete.”

Carro parado no portão, homem gritando, Mana, chegou até o carro...


Mana: Moço, quais os sabores o senhor tem?
Sorvete Man: Morango, chocolate, coco e Azul...
Mana: Azul? E que sabor é este?
Sorvete Man: Azul é de.... (pensativo) ... de Azul ué!

Mana sem discutir com o infeliz, comprou do Azul, e foi porteira adentro com a novidadéééx... pensa que alguém quis fazer o teste driver??? Mas nem se lá estivessem, os comemdetudo, Pen Tel (tia) ou Sem Loção (cunhado) provariam do objeto não identificado...

Depois que a vontade de tomar sorvete passou, mas ainda "lombriguentos", fomos pra cozinha, inventar algo pro lanche. Como quem não tem cão, caça com gato, então, fizemos um Franciscano ( E eu garanto a vocês... gostei mais da cor da segunda opção!)


Franciscano de Cream Cheese


Massa
03 xícaras (chá) de farinha de trigo , aproximadamente
100 g de manteiga
02 ovos
1/2 xícara (chá) de leite
01 colher (sopa) de fermento em pó para bolos
01 gema, para pincelar
.
Misture a manteiga, os ovos, o leite e o fermento, até ficar homogêneo. Aos poucos, acrescente o trigo, até que a massa fique elástica e se desprenda das mãos. Cubra e deixe descansar por cerca de 20 minutos em geladeira.

Recheio
200 g de cream cheese
150 g de presunto fatiado bem picadinho
15g de salame italiano bem picadinho
02 tomates sem pele e sem sementes, picados
Orégano a gosto
.
Misture tudo e Aplique.
.
Montagem e Forno
Abra a massa, dando um formato retangular. No centro, distribua o recheio. Nas laterais, corte tiras diagonais com cerca de 02 cm de largura. Vá colocando tiras alternadas sobre o recheio, trançando-as.
.
Pincele com a gema, coloque em uma assadeira untada e enfarinhada e leve ao forno médio (180°C) por cerca de 30 minutos, ou até dourar. Retire e sirva morno.



Rendimento:08 porções.

Dica: Este nome, Franciscano, deve-se ao fato de seu trançado parecer um CHINELO Franciscano.

09/05/2010

Coisas que Mamã ensinou...

Minha mãe ensinou a VALORIZAR O SORRISO…
“ME RESPONDE DE NOVO E EU TE ARREBENTO OS DENTES!”

Minha mãe me ensinou a RETIDÃO...
“EU TE AJEITO NEM QUE SEJA NA PANCADA!”

Minha mãe me ensinou HIERARQUIA...
“PORQUE EU DIGO QUE É ASSIM! PONTO FINAL! QUEM É QUE MANDA AQUI?”

Minha mãe me ensinou o que é MOTIVAÇÃO…
“CONTINUA CHORANDO QUE EU VOU TE DAR UMA RAZÃO VERDADEIRA PARA VC CHORAR!”

Minha mãe me ensinou a CONTRADIÇÃO…
” FECHA A BOCA E COME!”

Minha Mãe me ensinou sobre GENÉTICA…
“VOCÊ É IGUALZINHO AO SEU PAI!”

Minha Mãe me ensinou sobre minhas RAÍZES…
“TÁ PENSANDO QUE NASCEU DE FAMÍLIA RICA É?”

Minha mãe me ensinou RELIGIÃO…
“MELHOR REZAR PARA ESSA MANCHA SAIR DO TAPETE!”

Minha mãe me ensinou o BEIJO DE ESQUIMÓ…
“SE RABISCAR DE NOVO, EU ESFREGO SEU NARIZ NA PAREDE!”

Minha mãe me ensinou CONTORCIONISMO...
“OLHA SÓ ESSA ORELHA! QUE NOJO!”

Minha mãe me ensinou a TER GOSTO PELOS ESTUDOS... “SE EU FOR AÍ E VOCÊ NÃO TIVER TERMINADO ESSA LIÇÃO, VOCÊ JÁ SABE!…”

Minha mãe me ensinou os NÚMEROS…
“VOU CONTAR ATÉ DEZ. SE NÃO ME OBEDECER, VOCÊ LEVA UMA SURRA!”

MUITO OBRIGADO MÃE!


Para quem tem, para quem é e para quem ainda quer ser....

FELIZ DIA DAS MÃES.

08/05/2010

Mãe brincalhona??? a dica é um Misto Quente Gratinado!

Minha mamã, eu diria que se encaixa bem neste perfil... estes dias, minha mana fazendo ovo frito, a velha me solta esta:
.
Mamã: Tá fazendo ovo pochê???
.
Mana: Não. É ovo frito.
.
Mamã: Então faz um ovo pámim!
.
Pópi demorou 2 minutos, mas depois quase enfartou rindo. (Eu posso com uma velha destas???)
.
Então se sua mãe, é daquelas que faz todo mundo rir até de caixa d'àgua pegando fogo, ela vai adorar um Misto Quente Gratinado logo cedo. Monte uma bandeja bem bonita e faça uma surpresa para ela na cama.
.
Misto Quente Gratinado
08 fatias de pão de forma sem casca
04 fatias de presunto
04 fatias de mussarela
01 pacote de molho pronto 04 queijos
01 xícara de chá de leite
03 colheres de sopa de queijo parmesão
orégano a gosto
Num refratário, distribua uma camada de pães, coloque o presunto e a mussarela. Leve ao forno (180°C) médio, cerca de 10 minutos.
.
Enquanto isto, dissolva o conteúdo do molho de queijo no leite e leve ao fogo até ferver. Abaixe o fogo e cozinhe por 03 minutos. Desligue polvilhe o orégano.
.
Retire o pão do forno, cubra com o molho, e leve novamente ao forno por cerca de 10 minutos, ou até que esteja gratinado.
Rendimento: 04 porções.

06/05/2010

Uma sobremesa para Mães Intelectuais...

Para agradar a mãe intelectual não basta apenas comprar flores, chocolates ou algum CD do Roberto Carlos (oi???). Se a sua mãe faz esse estilo, ela é daquelas que gosta de se surpreender com sabores e aromas diferentes.
.
Impresione com esta sobremesa, que você até, pode fazer de véspera para ter tempo de sobra para lhe fazer companhia ouvindo Frédéric Chopin neste dia especial.
.
Mousse de Chocolate Especial



Mousse:
200g de chocolate ao leite derretido em banho maria
05 gemas batidas
05 claras em neve
02 colheres de sopa de açúcar
.
Bata as claras em neve e depois de batidas, adicione o açúcar e bata mais um pouco. Reserve. Junte o chocolate derretido (morno) com as gemas, misture bem. Junte o creme de chocolate às claras, mexendo suavemente. Coloque um prato de servir ou taças individuais e leve para gelar.

Complemento:
100g de nozes
100g de ameixas sem caroço picadas (opcional)
1/2 vidro de cerejas picadas
1/2 lata de pêssegos em calda cortados
.
100g de chantilly
.
Depois do creme de chocolate gelado, faça camadas, seguindo a ordem descrita. Cubra com chantilly.

Dica: Fazer de véspera e decorar com o chantilly no momento de servir.

Rendimento: 08 porções.

04/05/2010

Para uma Mãe Apressada...

Sua mãe é daquelas que é meio Mulher Elástica, que consegue bater bolo, segurar a cria, atender telefone e pendurar roupas no varal tudo ao mesmo tempo... Então, esta receita aqui, será uma ótima idéia, pelo menos pra economizar na louça pra lavar...

Um prato único...
.
Torta Caipira
Massa:
01 kg de mandioca cozida com sal e espremida
02 colheres de sopa de manteiga derretida
02 colheres de sopa de trigo
1/4 de xícara de chá de leite
02 ovos
.
Misture tudo. Faça um purê cremoso (não muito firme, nem muito mole).
Antes de ir ao forno
Recheio:
01 cebola picada
06 folhas de couve manteiga cortada em tiras finas
01 pitada de sal (para a couve)
1/2kg de linguiça calabresa em cubos
200g de queijo minas em cubos
04 colheres de sopa de parmesão ralado
.
Frite a cebola com a couve, coloque o sal. Reserve. Em outra frigideira frite a linguiça. Reserve. Numa fôrma de aro removível (20 cm de diâmetro) untada e enfarinhada, coloque parte da massa forrando o fundo e as laterais.
.
Coloque a couve, a seguir a linguiça, o queijo e por último o restante da massa. Polvilhe com o parmesão e leve para assar, em forno a 200°C por aproximadamente 50 minutos ou até que esteja bem dourada.
Dica: Pode substituir a calabresa por frango desfiado.
Rendimento: 06 porções.

02/05/2010

Que tipo de Mãe é a sua, Mãe é tudo igual??? e uns biscoitos para o chá

Mãe: Alô?
.
Filha: Mamã? Posso deixar as crias contigo hoje à noite?
.
Mãe: Vai sair?
.
Filha: Vou.
.
Mãe: Com quem?
.
Filha: Com um amigo.
.
Mãe: Não entendo porque você se separou do teu marido, um homem tão bom...
.
Filha: Mamããã! Eu não me separei dele! ELE que se separou de mim!

Mãe: É... você me perde o marido e agora fica saindo por aí com qualquer um...

Filha: Eu não saio por aí com qualquer um. Posso deixar as crias?

Mãe: Eu nunca deixei vocês com a minha mãe, para sair com um homem que não fosse teu pai!

Filha: Eu sei, mamã. Tem muita coisa que você fez que eu não faço!

Mãe: O que você tá querendo dizer?

Filha: Nada! Só quero saber se posso deixar as crias.

Mãe: Vai passar a noite com o outro? E se teu marido ficar sabendo?

Filha: Meu EX-marido!! Não acho que vai ligar muito, não deve ter dormido uma noite sozinho desde a separação!

Mãe: Então você vai dormir com o vagabundo!

Filha: Não é um vagabundo!!!

Mãe: Um homem que fica saindo com uma divorciada com filhos só pode ser um vagabundo, um aproveitador!

Filha: Não vou discutir, mamã. Deixo as crias ou não?
Mãe: Coitados. com uma mãe assim...

Filha: Assim como?

Mãe: Irresponsável! Inconseqüente! Por isso teu marido te deixou!

Filha: CHEGA!!!

Mãe: Ainda por cima, grita comigo! Aposto que com o vagabundo que tá saindo contigo, você não grita.

Filha: Agora ta preocupada com o vagabundo?

Mãe: Eu não disse que era vagabundo!? Percebi de cara!

Filha: Tchau!!

Mãe: Espera, não desliga! A que horas vai trazer os meninos?

Filha: Não vou. Não vou levar os meninos, também agora não vou mais sair!

Mãe: Não vai sair? Vai ficar em casa? E você acha o que, que o príncipe encantado vai bater na tua porta? Uma mulher na tua idade, com dois filhos, pensa que é fácil encontrar marido? Se deixar passar mais dois anos, aí sim que vai ficar sozinha a vida toda! Depois não vai dizer que não avisei! Eu acho um absurdo, na tua idade você ainda precisar que EU te empurre para sair!

(Luís Fernando Veríssimo)
.
Mãe, realmente é tudo igual, só muda o endereço, mas se você ama sua mamã, aproveite para fazer um agrado a ela, neste dia das Mães. Esta semana, deixarei algumas dicas por aqui...
.
Se ela é Romântica, um chá da tarde... Petit Four Olhos de Boi (Ojitos de Buey)
.
1/2kg de farinha de trigo
15g de fermento em pó para bolo
300g de manteiga
200g de açúcar
02 ovos
01 colher de sopa de mel
½ colher de corante amarelo (usei em gel)

Cerejas cortadas ao meio ou geléia vermelha.
Misture a manteiga e o açúcar, ao trigo e o fermento até obter uma farofa. Junte os ovos um a um. Adicione o mel e o corante. Deixar a massa suave, se precisar polvilhe um pouco mais de trigo (não muito, bem pouco).
Pode fazer bastões e cortar pequenos discos, ou usar cortadores, ou usar máquinas próprias para moldar os biscoitos (usei a opção 3). Coloque em forma bem untada com manteiga e polvilhada com trigo. Marque o centro com o dedo, recheie com uma geléia vermelha ou use pedaços de cerejas. Leve ao forno 180°C por uns 15 minutos ou até que estejam dourados.
.
Rendimento: 100 unidades pequenas.